7 atividades físicas que ajudam a prevenir o câncer!

 

O número de mortes no Brasil por conta do câncer aumentou 31% desde 2000. Hoje, o câncer é a segunda causa de morte no país, superado apenas por doenças cardiovasculares. Se estima que apenas 5 a 10% das neoplasias possuem causa genética, sendo em 90 a 95% relacionados a outros fatores ambientais e ao estilo de vida.
Um estilo de vida saudável pode prevenir o cancer em até 40% dos casos!
 
Uma das mais potentes armar em prevenir o cancer são os exercícios físicos.
 Captura de Tela 2017-12-12 às 03.10.20
 
 
 
1486503765-bodybuilding-dumbbell-health-sports-fitness-weight_81281-2Musculação:
Com o avanço da idade tendemos a perder massa muscular e ganhar gordura. A musculação evita essa perda natural de massa muscular, previne a osteoporose e proteje as articulações. Em pacientes que tiveram cancer e usam hormonoterapia, a musculação é um grande aliado em prevenir o cancer e amenizar os efeitos colaterais do tratamento na perda de massa muscular e óssea.
 
SJ_Icon_Private_Yoga_OrangeIoga:
A ioga, através dos seus três componentes principais (posturas, respiração e meditação) pode ajudar a promover vários parâmetros da saúde física (aptidão, equilibrio, flexibilidade e força), saúde mental (estresse e ansiedade) e uma série de sintomas relacionados à saúde (por exemplo, dor) e um numero de outras condições relacionadas a saúde. Além de prevenir o cancer a ioga é um grande aliado no combate aos sintomas relacionados ao tratamento.
 

swimmingNatação:

Muitas atividades físicas podem ajudar a prevenir o cancer. A natação oferece uma vantagem única, pois associa o exercício cardiovascular com o desenvolvimento muscular em um ambiente de pouco impacto. Outro dado importante é que a vitamina D previne o cancer, pessoas que fazem natação tem valores maiores de vitamina D devido a exposição solar.
 
athleticsCorrida:
A prática de exercícios aeróbicos regulares de moderada a alta intensidade diminuem significativamente o risco da formação de pólipos no intestino, do cancer de intestino e rim. Estudos também evidenciaram que mulheres que praticavam exercícios aeróbicos como a corrida, tinham menos de 25% de chance para desenvolver cancer de mama. A corrida ajuda a manter um peso adequado prevenindo assim o excesso do hormônio estrogênio produzido também pelo tecido adiposo. O excesso de estrogênio pode aumentar o risco de cancer de mama ou de sua recidiva.
 
bicicletaPedalar:
Andar de bicicleta está entre as melhores atividades que podem ser feitas diariamente e também uma das melhores para os membros inferiores. Pedalar previne o cancer por ajudar a controlar o peso. Em comparação aos sedentários, quem anda de bike com frequência apresenta probabilidade menor de ter cancer e 46% menor de desenvolver males cardiovasculares.
 
bf9b3b_d20ed5cf85714181b326d229750c0975~mv2Hidroginástica:
Uma boa opção de atividade física para as pacientes que estão tratando de cancer é a hidroginástica, que além de trazer bem-estar, promove o condicionamento cardiovascular e muscular, trabalha a coordenação motora, estimula a agilidade e traz a sensação de relaxamento. A hidroginástica é uma atividade que não gera impactos, por esse motivo, não existe uma restrição para quem deseja praticá-la.
 
boxingLutas:
A atividades físicas como luta tem como vantagem associar o treinamento muscular aeróbicos em um ambiente com bastante descontração. Assim atividades como judo, karate  ajudam a manter um peso saudável,  prevenindo o cancer, e auxiliam no tratamento de doenças como a depressão e insônia.
 
 
 
 
 
 

Como Funciona o Resfriamento do Couro Cabeludo

O dano que a quimioterapia causa ao folículo capilar pode ser aliviado pelo resfriamento do couro cabeludo..


couro cabeludo
Reduzindo-se alguns graus da sua temperatura imediatamente antes, durante e após a administração da quimioterapia.

Isto, por sua vez, reduz o fluxo sanguíneo aos folículos capilares, o que pode prevenir ou minimizar a queda de cabelo.

O resfriamento causa a vasoconstrição, que demonstrou a redução do fluxo sanguíneo no couro cabeludo em 20-40% do normal resultando em menor entrega de drogas quimioterápicas nos folículos capilares.
celulas
A taxa de difusão da droga através da membrana plasmática é reduzida ao ser resfriada e, assim, menores doses efetivas da droga conseguirão entrar nas células.

A divisão celular é orientada pelo metabolismo, cujo processo é desacelerado pelo resfriamento.
A diminuição da atividade metabólica das células no folículo capilar, também pode causar uma redução na citotoxicidade das drogas quimioterápicas localizadas no couro cabeludo.

Alguns medicamentos de quimioterapia são mais propensos do que outros para causar a perda de cabelo. Pergunte ao seu médico sobre a possibilidade de perda de cabelo antes de iniciar o seu tratamento, então você estará preparado e saberá o que você pode esperar. 

Qual a idade ideal para o homem começar a fazer os exames de rastreamento?

medical_checklist-512Há ainda muita controvérsia referente à idade de inicio do rastreamento do câncer de próstata. Então, qual a idade certa? 

Este assunto deve ser discutido com seu medico e analizado caso a caso. Recomenda-se o rastreamento para homens com idade acima dos 50 anos e expectativa de vida acima de 10-15 anos.

Sugere-se que os homens sejam anualmente através do toque retal e de dosagens sanguíneas de PSA (antígeno prostático específico). Aqueles com história de câncer de próstata na família acometendo parentes de primeiro grau (pai e irmãos) e de homens negros devem inicial essa avaliação aos 40 anos, devido ao maior risco. 

Você sabia que ouvir música faz bem à saúde?

Você sabia que ouvir música faz bem à saúde?
 
Além de fazer bem à alma, ao coração e a mente, ajuda a manter o cérebro mais ativo.

Promove alegria ou relaxamento e também é capaz de trazer recordações de bons momento.

Estudos sobre o benefício da música:
Diversos estudos, como o da American Music Therapy Association (AMTA, EUA) e o da World Federation of Music Therapy (WFMT, em Gênova, na Itália), mostram que a música traz benefícios para a saúde como um todo, além de influenciar diretamente na vida social das pessoas.

Os pesquisadores revelaram que, de acordo com o ritmo musical que a pessoa escuta e a situação a que ela está submetida, a respiração fica mais ofegante ou tranquila e isso se reflete na pressão sanguínea, que fica mais ou menos forte. Isso previne doenças cardíacas.

Como Lidar com a Fadiga

POST-fadigaA fadiga derivada do câncer é uma sensação persistente de cansaço emocional, físico ou mental. É diferente de exaustão por falta de descanso e não melhora após uma boa noite de sono. A maioria das pessoas em tratamento de câncer sofrem com isso, mesmo após alguns meses.

A fadiga afeta o bem estar do paciente em diversos níveis. Ela pode influenciar as atividades diárias, as relações, o humor, as emoções, a performance no trabalho e até a postura a respeito do tratamento e do futuro.

Por isso, deve ser diagnosticada e tratada assim que possível. Para isso, é preciso identificar sua causa.

Dor: Se estiver relacionada a uma dor, geralmente consequência da doença ou do tratamento, é preciso cuidar da dor. Muitos medicamentos também causam cansaço físico e sonolência,

Então é importante conversar com seu (sua) médico(a) sobre isso para que ele(a) encontre uma solução.

 Depressão, ansiedade ou estresse: O diagnóstico do câncer o o período do tratamento podem provocar essas sensações, que podem acarretar em fadiga.

Tratar desses efeitos costuma fazer uma grande diferença no cansaço dos pacientes.

Sono: Dores, estresse e preocupação podem afetar o sono do paciente e impedí-lo de dormir. Isso também pode ser causado por determinados medicamentos. Dormir por mais horas à noite ou tirar cochilos ao longo do dia podem ajudar a diminuir o cansaço.

Anemia: Redução do número de góbulos vermelhos saudáveis é comum em pacientes com câncer. A condição pode ser agravada com uma dieta carente em ferro. O tratamento pode incluir suplementos, transfusões e uma dieta nutritiva.

Carência de vitaminas e nutrientes: uma alimentação balanceada é essencial para quem está em tratamento de um câncer.
Se necessário, consulte um nutricionista para montar uma dieta que atenda às suas necessidades e limitações.

Procure seu médico caso sinta algum sintoma mencionado acima. 

Vasilhas de plástico e câncer, existe alguma relação?

Utilizar vasilhas de plástico para esquentar alimentos no microondas pode aumenta o risco de câncer?

NÃO!! Este mito vem do fato de que vários materiais como madeira, metais, plásticos quando levados a combustão produzem substâncias chamadas dioxinas. As dioxinas podem estar relacionada a doenças na pele, fígado e o câncer.

Não existe Dioxina nas vasilhas de plásticos!  Para que uma vasilha de plástico produza dioxina ela deve ser incinerada!

Nao existe comprovação cientifica que o uso de utensílios de plásticos mesmo no microondas aumentem o risco para o desenvolvimento do cancer.

Perguntas e Respostas:
Todos os alimentos que são esquentados no plástico não são recomendados ou existem exceções?

Nao existe restrição em quanto aos alimentos. Existem alguns plásticos que não são feitos para microondas e estes em altas temperaturas podem liberar substancias como ftalatos. Estudos em animais sugerem que ftalatos podem levar alterações relacionadas a fertilidade. Por isso é importante ficar atento na embalagem e usar apenas utensílios próprios para microondas.

Muitas vasilhas na indústria são vendidas como sendo “fabricada” para ir ao microondas, isso é verdade, a população pode confiar nessas que a propaganda é para esse fim ou melhor evitar?

Para que o utensílio seja vendido com este selo ele deve ser testado. Logo procure comprar marcas que tenham sido avaliadas e aprovadas pelo INMETRO.

O melhor mesmo para se utilizar são utensílios de vidro ou louça, ou mais algum não é recomendado?

Se você está cozinhando com plástico ou usa utensílios de plásticos, a melhor coisa a fazer é seguir as instruções e apenas usar plásticos que são especificamente destinados para cozinhar. Recipientes inertes são os melhores, por exemplo, vidro resistente ao calor, cerâmica, aço inoxidável.

Como a poluição do ar pode causar câncer.

Poluição CâncerA poluição do ar é uma mistura de muitas substâncias diferentes e os conteúdos exatos variam dependendo de que fontes de poluição estão nas proximidades, a sua localização, a época do ano e até mesmo o clima. Fontes de poluição do ar podem ser como fumaça de veículos e fumaça de queima de combustíveis.

Fumar tem um efeito muito maior sobre o risco de desenvolver câncer de pulmão do que qualquer poluição do ar exterior. Se você fuma, a melhor coisa que você pode fazer por sua saúde é parar .

Poluição do ar exterior

A poluição do ar está associada com um risco aumentado de câncer de pulmão. Embora o aumento do risco de câncer pela poluição do ar exterior seja pequeno, todo mundo está exposto, e por isso,, tem um efeito importante em toda a população como um todo.

Em 2013, a Agência Internacional de Investigação de Câncer (IARC)  reuniu um painel de especialistas para analisar as evidências sobre a poluição do ar e câncer. Este painel decidiu que não havia provas suficientes para dizer que a poluição do ar pode causar câncer nas pessoas. E que não havia provas suficientes para dizer que uma parte específica da poluição do ar conhecido como PM 2,5 (“Material Particulado”, menos de 2,5 milionésimos de metro de diâmetro) pode causar câncer.

Poluição do ar interior

Poluição do ar interior pode ter várias fontes, incluindo os combustíveis utilizados para aquecer casas e cozinhar, o fumo do tabaco e radônio. Fumo passivo Atualmente, milhões de pessoas estão expostos ao fumo passivo, para as crianças a maior parte desta exposição ocorre em suas próprias casas. O fumo passivo aumenta o risco de câncer e outras doenças, tais como doença cardíaca e acidente vascular cerebral, levando a milhares de mortes todos os anos.  

Tomar café aumenta o risco de câncer?

POSTO14O café é uma das bebidas mais populares do mundo, e é a forma como muitos de nós escolhemos para impulsionar o nosso dia.

A agência internacional de pesquisa em câncer (IARC) concluiu recentemente que o café não aumenta o risco de câncer, como foi sugerido anteriormente, e ainda sugeriu que pode ate diminuir o risco de alguns tumores, em particular o câncer do fígado e utero.

Estes dados surgiram após uma revisão abrangente das evidências, abrangendo cerca de 1000 estudos. (o resumo do estudo esta na Lancet Oncology). Então, se você já bebe café regularmente, esta notícia é interessante!

E quem nao toma? A evidência dos estudos ainda é incerta e o benefício pode ser pouco significativo.

As tatuagens podem aumentar o risco de câncer?

POSTO8O risco de tatuagens é quando esta é realizada em lugares que não há adequada higienização e esterilização.

Em locais sem adequada higienização, os instrumentos utilizados podem compartilhar fluidos e sangue que aumentam o risco de infeções pelo vírus da hepatite C.

Pacientes que apresentam infecção crônica pela hepatite C, tem maior risco de desenvolver tardiamente câncer no fígado.